Comportamento

Coisas que você só vai saber quando começar a faculdade.

16:51

Essa semana acabei definitivamente o ensino superior em Gestão de Recursos Humanos, então como esses últimos meses só pensava em “tenho que entregar tal trabalho de tal matéria”, “não vejo a hora de terminar a faculdade”, e a minha preferida “gente como o mês de maio esse ano esta demorando a terminar”. Então resolvi escrever coisas que vocês só vão saber quando estiver cursando o ensino superior.



  •  Como é difícil lidar com as pessoas.
Parece brincadeira, mas primeira coisa que vocês vão saber é que dificilmente algum trabalho vai ser individual, tudo vai ser em dupla ou em grupo. Acho que a parte mais complicada que existe em fazer trabalho em grupo é entrar em todo mundo concordar com alguma coisa, principalmente quando vai começar a fazer o trabalho, porque tem que ver o dia que todos do grupo podem se reunir para fazer o trabalho e se todos estão de acordo com o que vai ser feito e como vai ser dividido.

  • A diferença de professores chatos e professores que não querem dar aula.
No ultimo semestre eu tive a infelicidade de saber que existem professores vingativos, que só enrola na aula e matéria que é bom nada, não sabe lidar com alunos e muito menos ter autoridade dentro da sala de aula.
No primeiro dia de aula fomos avisados que um professor novo que iria dar uma determinada mateira. Foi ai que descobrimos a diferença entre professor chato que ensina e professor que só enrola. O professor chato que ensina é aquele que vai pegar no pé, vai questionar, exige que os trabalhos estejam perfeitos, mas vão ensinar. O professor que não quer dar aula só vai arranjar confusão com a sala por motivos bestas, enrolar durante a aula, não vai nem fazer questão de pesquisar para ver se a sala teve aula sobre aquele assunto que ele vai passar.

  • Grupo grande não da certo.
Os grupos grandes têm maiores chances de ter briga e confusão, os motivos são diversos e vai desde discordar de alguma coisa ou não aceitar a opinião dos outros integrantes até aqueles que não fazem nada do trabalho.

  • Os folgados
Não teria expressão melhor para falar daquelas pessoas que não fazer nada do trabalho, só inventam desculpas para não fazer a sua parte do trabalho e resta para os outros. Logico que eu sei que todo mundo tem uma vida corrida entre trabalho, faculdade, família, vida pessoal, mas existe a diferença de quem faz quando tem um tempo livre, e aqueles que não fazem nem quando tempo um tempinho livre. No meu grupo era da seguinte forma, cada um pegava o que podia fazer sem cobranças, afinal de contas não existe criança na faculdade, lugar de criança é no ensino fundamental.
Mas posso dizer que apesar de todas as dores de cabeça, brigas, confusões, vontade de sumir ou matar algumas pessoas, a verdade é que faculdade é algo incrível em que você conhece pessoas legais, divertidas, malucas, e que vivemos em constante amor e ódio no momento em que se esta estudando, mas depois vira tudo amigo e os problemas são deixados de lado e cada um vai viver sua vida do jeito que achar certo sem ressentimentos.


Queria aproveitar para falar que nesses dois anos amei conhecer cada uma das meninas do meu grupo, que no começo era cada uma de um lado, mas o destino acabou se encarregando através de algumas confusões e brigas para nos juntar. E logico que gostei de conhecer algumas pessoas, e boa sorte para todos afinal agora a batalha só esta começando. 

Você também pode gostar

0 comentários