Comportamento

Relacionamento X Dinheiro

13:24

Quando um relacionamento começa tudo parece  estar uma maravilha, mas até que chega a questão do dinheiro.  Como ficam as contas quando vamos viajar juntos? E se planeja em casar, como vai ficar essa parte do dinheiro? E se um dos dois perder o emprego deve parar de planejar o futuro?

Sei que não escrevo muito sobre relacionamentos, porque não tem nada haver com o tema do blog, mas acho que seria bom até para quem esta solteira e na hora que começasse a namorar, já tivesse uma opinião formada sobre esse assunto.

Sempre achei complicado falar de dinheiro, porque sempre tive a opinião cada um tem o seu salario e faz o que achar melhor, mas agora nessa época de crise em que milhares de pessoas ficam desempregadas e as empresas ficam cada vez mais exigentes, querendo um funcionário que faça o trabalho de três, tenha ensino superior (ou até uma MBA), uma longa experiência na área  e receba um salario bem menor do que o cargo dele merece receber. Então fica essa questão na cabeça de muitas pessoas que são demitidas do trabalho e tinha milhares de planos com uma pessoa em especial. Mas e agora o que fazer?

A verdade que acho que quando acontece isso o certo é parar de fazer dividas e contas, e começar a quitar tudo, e não ficar dependendo do salario do outro ou ficar fazendo planos com o salario do outro. Se uma pessoa acorda todos os dias cedo, trabalha duro a maior parte do dia, então ela tem que saber o que fazer com o dinheiro dela e não ter um sanguessuga fazendo dividas para ela pagar. Sei que muitos de vocês já estão pensando “mas quando casar ela vai ter que contribuir com as contas”, e não discordo disso, porque se os dois estão morando juntos e estão consumindo água, luz, internet, telefone, TV a cabo, comida, e ainda  se moram de aluguel, nada mais justo que os dois dividir as contas, mas o que resta do salario de cada um fica com quem trabalhou por ele, e não algo para o casal decidir junto o que fazer com o valor que sobrou.  

Acho errado um fazer planos com o dinheiro do outro, mesmo que sejam somente dois namorados viajando, mas cada um tem que pagar a sua parte sozinha sem ajuda de terceiros. Afinal se queremos um relacionamento adulto, obrigatoriamente devemos agir como adulto e assumir nossas responsabilidades, e o principal não ficar dependendo do dinheiro alheio para pagar nossas contas.


Temos que entender que não é porque estamos em um relacionamento com alguém, que essa pessoa se torna nossa propriedade e o dinheiro dele acaba se tornando nosso. Vamos deixar  algumas coisas bem clara aqui:  ninguém é dono de ninguém, e você não é cafetão de ninguém para pegar o dinheiro da pessoa enquanto ela trabalha. Se você quer algo vai trabalhar e economize que vai poder ter o que você quer. Enquanto esta desempregado e não arranja uma forma de conseguir o seu próprio dinheiro, adie os planos até você ter condições de dar continuidade sem depender exclusivamente de alguém. Afinal é gostoso conquistar algo junto com alguém que você quer ao seu lado, mas isso só pode dar certo se os dois batalharem e correr atrás juntos, e não um correr atrás enquanto o outro fica esperando as coisas caírem do céu. 

Você também pode gostar

0 comentários