Comportamento

Mulheres pagando menos na balada

18:15

Desde sempre as mulheres tem benefícios na balada, sendo pouco ou muito. Mas despois de uma reportagem no Fantástico, esse assunto virou uma polemica, só que o que me irritou muito é o fato de colocar a mulher como uma vitima e indefesa. Então como vocês leitoras me conhece bem, sabem que vou questionar e mostrar minha opinião.

Para começar vou deixar bem explicado que estamos falando de baladas normais, aquelas que você só vai para se divertir, dançar, beber e depois ir embora, não estou falando de baladas liberais, pois sabemos qual o motivo de ter uma diferença de preço absurda, pelo simples motivo de dificultar a entrada de homens solteiros. Afinal sabemos que muitos homens quando o assunto é sexo, parece que o cérebro desce para o amiguinho, então vocês imaginam o tanto de processos e confusões que existiria se colocasse o mesmo valor pra a entrada de homens e mulheres em baladas liberais.

Agora voltando ao assunto, eu acho ridículo colocarem as mulheres como seres indefesos, inocentes e sem malicias, principalmente quando o assunto é sobre valores e benefícios que a mulheres dentro da balada. Afinal quando vamos para uma balada a mulheres paga menos, lugares que a mulher tem direito a open bar até certo horário, normalmente sendo entre 00:00 e 01:00. Logicamente é para chamar mais homens para baladas, já que eles parecem um pavão (desculpa homens, mas é a verdade), agora falar que as mulheres são feitas de iscas e que são umas coitas, sinto muito em dizer, mas isso não acontece, pois já vi uma mulher que tinha bebido demais e quando o cara chegou nela e mesmo dizendo “não quero” ele foi insistir e levou uns tapas na cara e um banho bebida também. Vamos concordar que não somos nada indefesas e ingênuas, pelo ao contrario sabemos muito bem onde estamos pisando e se duvidar sabemos nos defender muito bem obrigada.

Sou totalmente a favor de mulheres e homens pagar a mesma coisa na balada, afinal se estamos pedindo direitos iguais, vamos tomar vergonha na cara e querer pagar o preço igual por alguma coisa. Não existe lei nenhuma que fala que mulher tem pagar menos, a única lei dá direito de alguém pagar menos é os estudantes, mas nesse caso é claro que o estudante só pode pagar meia entrada em teatro, cinema, shows, estádio de futebol entre outras coisas, mas nada diz que é em balada. Então se queremos nos divertir, nada mais justo de pagar o valor certo para isso, e nem vem com aquela conversinha “só que a mulher gasta dinheiro para fazer as unhas, arrumar o cabelo, maquiagem e blá blá blá”,porque ninguém esta te obrigando a ir no cabeleireiro para fazer a unha, arrumar o cabelo só porque vai sair a noite, você faz isso porque quer. 

Vamos pensar o que aconteceria se existisse uma lei acabando com essa cultura e falando que a mulher e homem tem que pagar o mesmo valor para entrar numa balada. Primeira coisa que iria acontecer era o valor da entrada aumentar pouca coisa para as mulheres e o valor da entrada do homem diminuir também, mas teriam que tirar essa diferença de algum lugar. O que provavelmente iria acontecer é que as bebidas ficariam mais caras do que já são, e como homem na balada é como pavão e sempre compra aqueles combos porque além de ter bebida durante a noite toda, tem como impressionar aquelas mulheres que só estão interessadas em grana. Diferente da maioria dos homens que só vai para a balada para tentar pegar mulher, a gente vai para balada principalmente para dançar e se divertir, caso ficamos com alguém vai ser legal, se não ficar com ninguém esta tudo bem, pois a intenção inicial é divertimento.


Para finalizar, acho totalmente injusto esse negocio de mulher pagar menos na balada e ter gente defendendo usando como argumente da mulher uma pessoa ingênua e indefesa. Já falei milhares de vezes que se a mulher quer direitos iguais, então ela tem que lutar e provar que merece, e não aceitar esse tipo de benefícios. Mas caso apareça alguma lei que acabe com essa cultura de mulher pagar menos e ter direito a alguns benefícios, as baladas vão ser obrigadas a usar a criatividade para que chamar público de outra maneira, afinal nos mulheres não somos produto para chamar publico, então  donos de baldas, por favor,  para de usar esse tipo de estratégia para chamar homem e comece a colocar atrações legais para ter lucro, pois se a balada não é legal nem se colocar que a balada para a mulher é vip e com direito a bebida de graça a noite toda vai chamar nossa atenção, estamos bem mais seletivas para os lugares que queremos frequentar para nossa diversão.  

Você também pode gostar

2 comentários

  1. Não usaria o argumento de sermos coitadas, porque não somos, de jeito nenhum. Mas uma vez que um país que paga bem menos às mulheres, porque sim, vivemos num país machista, ter um desconto ou algo parecido, não acho errado, não. Já que a própria Constituição diz que nosso salário tem que dar para alimentação, pagar as contas, habitação e inclui, inclusive, diversão, então, nossos salários têm de ser igual aos dos homens também. Coisa que está longe de ser. É o que penso. Mas é um tema meio polêmico de se discutir de qualquer forma.

    Bjo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite! Nao vejo onde os salários são menores comparado aos homens.Qual profissão mulher ganha menos ?

      Excluir