Comportamento

Coisas que aprendi em 2017: Parar de correr atrás de quem não me dava valor.

15:48

O ano está acabando e fica aquelas perguntas: o que aconteceu de bom em 2017? O que eu fiz de diferente em 2017? A verdade que esse ano não foi nada fácil para muitas pessoas, algumas parece que esse ano foi como dar muro em ponta de faca e outras aprendeu a acordar e fazer algumas coisas diferentes, fazendo com que a vida começasse a fluir de uma maneira melhor.

Como estamos no final do ano resolvi fazer algo diferente, ao invés de fazer aqueles textos agradecendo o ano que tive ou reclamando, vou fazer três textos falando das coisas que aprendi em 2017 e me fez enxergar a vida de maneira diferente. Afinal ficar parecer com aqueles personagens de vídeo game que fica batendo direto na parede, não estava sendo nada divertido, mas comecei a ter algumas atitudes diferentes que mudou algumas coisas.

A primeira coisa que aprende esse ano foi parar correr atrás de quem não me dava valor, sempre tive a mesma atitude, quando o cara começava a não ter mais interesse em mim e estava afim de outra, eu tinha as mesmas atitudes de sempre: começava a dar uma stalkeada nas redes sócias dele, tentava me aproximar como amiga e o resultado era sempre a mesma merda (acho que era um pouco de ego ferido, por dar valor quando ele não me queria mais). Mas dessa vez foi diferente, estava saindo com um cara muito educado e gentil, parecia o cara perfeito, mas não era perfeito para mim. Quando ele começou a se afastar e me deu um fora, comecei a fazer a mesma coisa de sempre, só que eu estava cansada de depois virar “a amiga”, então resolvi mudar e comecei me afastando dele de uma vez, bloqueei ele no Whatsapp e redes sociais, mas não podia só bloquear ele tinha que me dificultar a procurar qualquer tipo de notícias dele, então bloqueei a menina que ele estava saindo também.

Para falar a verdade no começo não foi nada fácil, mas tinha que parar de pensar “era para ser eu no lugar daquele menina”. Fui ocupando minha mente com diversa coisas desde me dedicar 1000% ao curso e ao blog, comecei a fazer planos do que EU QUERO fazer em 2018 (esse vocês vão saber no outro texto), até que chegou ao ponto que esqueci de me preocupar com o que ele estava fazendo e comecei a me preocupar com o que eu estava fazendo naquele momento ou meus o que estava com vontade de fazer.
Com essa atitude que tive em relação de não ficar procurando algum jeito de estar tendo algum contato com esse cara, comecei a relembrar tudo o que tinha acontecido e questionar algumas atitudes dele, por exemplo: se ele me quisesse mesmo, teria me chamado para fazer algumas coisas junto com ele, ao invés de ter feito sozinho ou com amigos? Não tenho problema do cara ter amigos, afinal todo mundo tem aquele grupinho de amigos (as vezes pode ser poucos ou muitos), mas se ele realmente me quisesse, logicamente ele iria me convidar para ir junto. Então ele não estava tão interessando em mim, né?

Quando parei de correr atrás dele e fiquei pensando “se ele preferiu a outra menina, boa sorte para os dois e seja feliz”, percebi que comecei a desencanar de muitas coisas e parei de achar que a culpa disso tudo era mim, pois na verdade foi uma escolha dele. Como também foi minha escolha de parar de fazer o papel da “amiguinha”, afinal tenho muitos amigos homens e não preciso de mais um, percebi que tem milhares de homens nesse mundo e ele não é nenhum pinto de ouro para ficar igual uma louca correndo atrás dele. Então acho que esse ano aprendi mais um item daquela coisa chamada amor próprio: se ele não me quer, paciência, mas não vou ficar me rebaixando a amiguinha sofrida, pois tenho meu próprio valor e se alguém me quiser de verdade vai aceitar tudo, desde as partes boas até a parte as ruins.


Agora quero saber de vocês, o que aprenderam em 2017?

Você também pode gostar

6 comentários

  1. Elidia, vivi uma situação parecida. Era próxima de uma pessoa, mas depois ele casou com a noiva. Fiquei arrasada e me afastei de vez. Que sejam felizes.
    Acredito que encontrarei uma outra pessoa disponível.
    big beijos
    www.luluonthesky.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gata,

      Acho engraçado que quando desapegamos de vez de alguém, começamos a ver que tem muitas pessoas melhores do que aquela que sem querer colocamos no altar. Só que antes de encontrar alguém disponível e que seja do jeitinho que você gosta, tem que se redescobrir.

      Excluir
  2. Esse ano pra mim tbm não foi nada fácil, principalmente no inicio. Mas resolvi cortar pessoas que não me faziam bem. Conclusão estou mais leve!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. sei bem como é isso, parece que tira um peso de 100 kg das costas, no final sentimos vontade de ir mais longe.
      bjos

      Excluir
  3. Eu tenho a seguinte teoria: nenhum ano é fácil. Mas, diferente do que aparenta, isso é bom. Todo o ano é preciso se renovar, se reconstruir e nem sempre isso é fácil.

    Que 2017 você renove ainda mais a sua vida! Beijo ♥
    • www.deixeapenasfluir.com.br •

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, o ano só fica fácil se tivemos atitudes diferentes e começar os problemas de um outro jeito sem ficar desesperada!
      bjos

      Excluir